sábado, julho 05, 2008



Vila Viçosa - Batentes

2 comentários:

a aldraba disse...

Caro Amigo:
Há umas semanas atrás, deparou-se-me um artigo na revista "Alentejo Terra Mãe" acerca desta temática, cuja autora não apresentava bibliografia, dizendo-me por via e-mail, quando interpelada sobre as fontes onde bebera a informação para o artigo de 2 pp., que nunca lera nada escrito por mim nem frequentara blogues sobre este tema, à excepção do blogue de uma mestre em História de Arte, que de facto apresentava textos semelhantes aos que escrevi e estão transcritos no Aldraba Digital.
As ideias, conceitos, analogias eram "papadinhas" do trabalho de anos sem qualquer citação. E a autora do artigo na "Terra Mãe" ainda me respondeu que não tinha pretensões de produzir artigos com intenção científica.
A verdade é que publicou e assinou.
Contei esta estória a propósito da correcção que este belo trabalho que o meu amigo desenvolve há anos, com sensibilidade, correcção, criatividade, transformou-se desde logo num espaço de convivência e partilha onde a dignidade é tão normal como a água que corre, o vento que sopra, o sol que brilha...
Obrigado por tudo o que tem feito em prol da salvaguarda do património invisível.
E já agora, para quando um texto em que fale destas suas andanças, recolhendo estes materiais e do que foi conhecendo, aprendendo e partilhando...com reflexões sobre o que se deve fazer.
A Aldraba pretende publicar um caderno temático, mas o meu amigo podia complementar o que sabemos com a sua experiência. Não deixemos nas mãos de curiosos, que se comprazem a fazer "copy paste", aquilo que os outros podem saber/aprender acerca das questões
do património.
Grande abraço
Luís Filipe Maçarico

A.Caeiro disse...

Caro Amigo Luís Filipe Maçarico,

Agradeço o seu comentário em nome da equipa do Aldrabas Batentes e Fechaduras.

De facto já lá vão quase 3 anos de existência deste espaço, que tem como objectivo dar a conhecer estes “simples acessórios” que fazem parte do “património invisível” utilizando esta grande via, que é a Internet.

Quanto ao caderno temático que A Aldraba está a preparar, terei todo o gosto em colaborar, cedendo algumas das minhas fotos, e julgo que os meus colegas também serão da mesma opinião.

Um abraço.